Um frenesi

temer

Gente, a aflição do governo Temer em mostrar que está fazendo algo para a economia crescer embocou em um frenesi de anúncios de medidas nas últimas duas semanas. O exemplo mais óbvio foi o pacote econômico anunciado, seguido da fala do presidente do BC Ilan Goldfajn e depois, ontem, novamente Temer falando sobre FGTS e regras trabalhistas.

Vamos nos ater ao primeiro pacote. A equipe do ministro Henrique Meirelles espertamente – como escreveu um conhecido jornalista– criou a agenda “façam alguma coisa”. Agenda cobrada pela sociedade e pelo sistema político que não vê reação à recessão. Foram medidas de racionalização econômica e facilitação de negócios, como mudanças no cadastro positivo, simplificação de abertura e fechamento de empresas, diferenciação de preços entre formas de pagamento no comércio, contratação por hora trabalhada e jornada móvel.

Por pressão política, criaram ajustes de médio e longo prazo porque não dá para anunciar que não há nada, de imediato, a fazer. Mas pelo menos, cá entre nós, não atrelaram a retomada da economia à alta da inflação, como fez o governo Dilma.


raquel dodge primeira mulher procuradora

:Uma mulher na Procuradoria-Geral

  O Brasil tem uma nova procuradora-geral da República: Raquel Elias Ferreira Dodge, de 56 anos, foi indicada para o cargo pelo presidente Michel Temer após ficar em segundo lugar na lista tríplice elaborada por procuradores de todo o país. (mais…)(mais...)

Rita Lee

:Casa dos Políticos, já!

A cantora e ativista Rita Lee teve uma daquelas ideias brilhantes, dignas do seu gênio criativo. (mais…)(mais...)

arianna

:O poder de Arianna Huffington

Esta semana, Travis Kalanick, CEO e fundador da Uber, deixou a empresa depois de períodos turbulentos para a companhia, entre denúncias de assédio sexual e a debandada de seus principais executivos. (mais…)(mais...)

anfibio

:Michel Temer

Vejam diálogo entre os personagens de meu livro “Todo Vícios”, páginas 67 e 68: (mais…)(mais...)

bode

:A Lei da Previdência e o bode na sala

Na terça-feira, o presidente Michel Temer admitiu, em alto e bom som, que iria mudar o projeto de lei da Previdência no Congresso. (mais…)(mais...)

IMG_7729

:Muita informação pode significar informação nenhuma

Muitos números circulam pela mídia brasileira, mas os que parecem mais corretos são de os 83 pedidos de inquérito encaminhados pela PGR ao Supremo Tribunal Federal e outros 211 que vão ser enviados a instâncias inferiores, que citam mais de 350 pessoas. (mais…)(mais...)