MaiteProenca

:Amor ruim

Será que acha que, ao se apresentar de peito aberto, ela descobrirá que ele é uma besta? Disso ela sabe, ora. Como pode inteligência tão fulgurante carregar um emocional brutamente atrofiado como é o dele? Culpa da mãe, sempre é. (mais…)(mais...)

maite bruna

:“Me chama de Bruna”

Na semana passada, comecei a gravar a minissérie da Fox de maior sucesso na América Latina, "Me chama de Bruna", inspirada em Bruna Surfistinha. (mais…)(mais...)

Maitê em NY

:Há de haver um homem bom

Há de haver um homem bom, me esperando em alguma esquina desse mundo. Um homem que aprecie o meu carinho, goste do meu jeito, fale a minha língua e queira cuidar de mim. (mais…)(mais...)

Maitê 1

:O amor da minha vida

O amor da minha vida eu encontrei, tem nome, é de carne e osso, e me ama também. Agora falta encontrar alguém com quem possa me relacionar. É que o homem da minha vida não cabe em mim e eu não caibo nele. (mais…)(mais...)


Maitê na Playboy

:Assinatura não é tattoo

Você já olhou pra sua assinatura e achou que aquilo não era mais você? De uns tempos pra cá tenho empacado na hora de firmar meu nome, bate uma rejeição e esqueço como se faz! (mais…)(mais...)

vai ter

:Vai ter Prêmio da Música, sim!

Nos últimos 28 anos nos acostumamos ver a música brasileira exaltada em um evento que marca anualmente as vidas de quem passa por lá. (mais…)(mais...)

Maitê-Proença-livro-– Divulgação

:Não sei por que dei pra escrever

Não sei por que dei pra escrever. Não sei se alguém sabe por que resolve se exibir assim. No meu caso a coisa é duplamente grave, já que, sendo atriz, meus atributos se encontram escancarados para muito além do desejável. (mais…)(mais...)

anfibio

:Michel Temer

Vejam diálogo entre os personagens de meu livro “Todo Vícios”, páginas 67 e 68: (mais…)(mais...)

jose mayer

:Não deu mais pra moça aguentar, Zé

Zé Mayer é meu amigo, eu gosto dele e é muito ruim ver os amigos sendo achincalhados. Esta história toda não cola na imagem que fiz dele ao longo de mais de 35 anos. Mas Zé confirmou e pediu desculpas. (mais…)(mais...)

eleonora rosset

:O Ídolo

  É a coisa mais linda e esperançosa. História real, inspiradora! "Esse filme do diretor palestino Hany Abu-Hassad conta uma história que não tem nada a ver com guerra, apesar do cenário ser a Faixa de Gaza. (mais…)(mais...)

IMG_7178

:Um curso que ensina a lidar com as travas do caminho

Livros de autoajuda me assustam porque oferecem soluções fáceis para problemas complexos. (mais…)(mais...)

Maitê-Proença-livro-– Divulgação

:Depressão, uma trip narcísica

A depressão geralmente tem um estopim externo. Aquilo contamina outros setores, vai se alastrando, e, uma hora o sujeito se vê desvitalizado, deprimido. Pois me parece que há um instante em que o processo, se percebido, pode ser evitado. (mais…)(mais...)

1

:Férias

Os primeiros dias de viagem foram na Suíça. Esqui, patins... e olha o tamanho da cerveja (quente, eca). (mais…)(mais...)

pontes

:As Pontes de Madison

"As Pontes de Madison". Leram o livro? Viram o filme? Caso raro de filme bom a partir de livro ruim. (mais…)(mais...)

michael

:Essa sou eu

A filha de três anos de um amigo viu a Brooke Shields com o então namorado, Michael Jackson. (mais…)(mais...)

Maitê na Playboy

:Reflexões…

O mundo era quadrado. Aceitamos essa realidade por séculos e séculos e continuamos todos os dias a aceitar inverdades pelo simples fato de estarmos acostumados a elas. (mais…)(mais...)

maite-br176-abre

:Uma delícia total

“BR 176”, novo filme de Domingos de Oliveira, é uma delícia total. (mais…)(mais...)

“Não sei se prefiro as viagens que fiz por dentro, em momentos de clareza espiritual, ou as outras que me levam por aí, pelo mundo”.

talvez-abre

:Butão

Se não tivesse passado os últimos cinquenta anos induzida por anúncios de TV que me mandam ser mais alta, mais loura, mais magra e com os dentes mais brancos, mais forte, mais ambiciosa, e sendo empurrada pra correr e correr a fim de não perder aquela oportunidade que me trará sucesso... (mais&(mais...)

maite-1

:A escrita consome

A escrita consome, mas o palco sempre chama: a saída é juntar os ofícios. (mais…)(mais...)

maite-kaiapo

:Muita terra pra pouco índio?

Em 2014, na Aldeia Kayapó, encontrei-me com o Cacique Raoni. (mais…)(mais...)

abre

:Felicidade Interna Bruta

“Não sei se prefiro as viagens que fiz por dentro, em momentos de clareza espiritual, ou as outras que me levam por aí, pelo mundo. (mais…)(mais...)